(11) 3652-6160 sac@dgtadm.com.br

Como organizar o descarte de lixo no condomínio

Gostou? compartilhe!

Como organizar o descarte de lixo no condomínio

descarte de lixo no condomínio é um assunto muito importante e que gera dúvidas de como encontrar a melhor solução para cada caso. É preciso analisar a melhor forma de organizar o descarte de todos os moradores, registrando as regras para que todos possam seguir as orientações.

Em muitos condomínios, as lixeiras por andar pode trazer complicações no momento da renovação do AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros), além de aumentar o risco de acidentes. Veja agora como organizar o descarte de lixo no condomínio e torná-lo um local mais agradável de morar.

Instalação de lixeiras

Além do descarte do lixo doméstico, o condomínio precisa instalar lixeiras por suas dependências – principalmente para facilitar a conservação do local. No entanto, é importante ter cuidado para não violar as normas de segurança, respeitando o espaço livre para circulação.

Orientação dos funcionários

As lixeiras das áreas comuns precisam de manutenção. Por isso, vale criar uma rotina de limpeza, para que as lixeiras sejam devidamente esvaziadas e limpas corretamente. Determine os horários de retirada para incorporar a tarefa na rotina dos funcionários de limpeza.

Definição do local de descarte

Para que o condomínio fique organizado, é fundamental definir o local onde será descartado todo o lixo. Essa definição deve ser feita em conjunto, durante a reunião de assembleia. Além do local de descarte, vale também garantir containers resistentes, capazes de fazer o armazenamento sem propagar o cheiro e ainda facilitar o caminhão de lixo.

Esse espaço definido deve ser compatível com a geração diária de resíduos. É recomendado que o local seja impermeabilizado, longe do sol e da chuva e que permita a fácil lavagem, além de boa ventilação.

Coleta seletiva

A coleta seletiva é uma forma de contribuir com o meio ambiente – mas para que ela seja adotada de forma correta, é preciso orientar os moradores sobre o descarte correto. Uma boa alternativa é enviar informativos sobre como separar o lixo corretamente ou até mesmo marcar palestras de orientação. Os funcionários também devem ser orientados sobre essa questão, para que todos possam tratar o assunto com seriedade e responsabilidade.

A Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei 12.305/2010), define responsabilidade compartilhada sobre a produção e a destinação dos resíduos entre poder público e sociedade. Desta forma, o condomínio passa a ser responsável caso não haja a separação dos materiais seletivos pelos moradores. Por isso, é fundamental oferecer a estrutura adequada e conscientizar a todos sobre a importância do descarte de lixo correto.

As campanhas permanentes vão auxiliar com a conscientização dos moradores sobre a importância de cumprir as regras de descarte – seja de materiais recicláveis ou não recicláveis, tornando o condomínio mais organizado, limpo e agradável.

Conte com a DGT para fazer a gestão do seu condomínio. Além de diminuir os custos, você terá ao seu dispor pessoas capacitadas e com total entendimento sobre a rotina de um condomínio, resolvendo questões administrativas e ainda auxiliando na mediação de conflitos. Solicite um contato!



Gostou? compartilhe!