(11) 3652-6160 sac@dgtadm.com.br

Dicas sobre administração de condomínios

Gostou? compartilhe!

Dicas sobre administração de condomínios

Quem tem para si a responsabilidade de fazer a administração de condomínios precisa estar ciente de que todas as suas tarefas a partir da sua eleição. São itens diversos que requerem atenção e muita dedicação para que tudo saia de acordo com o planejado, sem conflitos ou custos adicionais.

O síndico precisa estar atento à manutenção, atividade dos colaboradores, fornecedores, pagamentos, documentação, gerenciamento de conflitos, entre outros. Mas com medidas simples, é possível fazer uma gestão de qualidade e fazer com que todos os moradores tenham segurança de que seu patrimônio está sendo bem representado.

Neste artigo, você vai descobrir os itens obrigatórios para saber sobre administração de condomínios. Entenda suas principais atividades e dicas para gerar mais economia e conforto a todos que usufruem das áreas do condomínio. Boa leitura!

Paciência é habilidade fundamental

Em um condomínio, onde as decisões são tomadas em conjunto, o síndico precisa ter paciência para ouvir a todos e decidir a solução que agrade ao menos a maioria. Pensar no que é melhor para o coletivo é ponto crucial para decidir algo em cum condomínio.

Uma saída para que o síndico evite eternas discussões, seja dentro ou fora da reunião de condomínio, é a informação. Quando as atividades são comunicadas, bem como as regras do condomínio, é possível trazer certo equilíbrio entre as opiniões, que saberão quais atitudes são cabíveis dentro do regulamento interno.

A administração de condomínios precisa ser organizada

Quem faz a gestão de ambientes residenciais ou comerciais precisa levar a sério a organização. Isso porque o indivíduo estará cuidando de questões administrativas e financeiras de um coletivo, e se não houver organização, os problemas certamente vão surgir.

É preciso organizar as contas a pagar e arquivar as já pagas para fazer a prestação de contas. Além dos boletos, uma administração de condomínios de qualidade também tem documentado e organizado:

Atas de assembleia
Documentos de regulamentação do imóvel
Boletos e taxas de condomínio
Folha de pagamento dos funcionários

Esses são simples exemplos de como é importante ser organizado. Afinal, são tantos detalhes que muitos podem ser perder no meio do caminho. Ter uma agenda organizada é crucial para administrar um condomínio.

Terceirize!

A terceirização é uma alternativa econômica para os condomínios. Afinal, com tantas atividades, como as já citadas acima, o síndico pode se perder – acarretando uma série de problemas, pois é preciso profissionalização e melhoria na qualidade dos serviços prestados.

Quando o condomínio contrata uma empresa para fazer toda a gestão, o grupo estará mais seguro de que tudo está em andamento – com a atenção devida a cada detalhe. Isso permite ao síndico muito mais tempo para se dedicar a projetos de melhorias do local, pensando até em ações que gerem ainda mais economia ao condomínio.

Em busca de uma administradora de condomínios que ofereça um leque de soluções para que você não tenha dores de cabeça? Conte conosco! A DGT possui os serviços ideais para que o seu condomínio seja administrado com qualidade e eficiência. Solicite um contato.



Gostou? compartilhe!